Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Mata mulher com tiro acidental no ombro

Autor do disparo foi o marido da vítima, que não sabia que a arma estava carregada.
Paulo Jorge Duarte 30 de Junho de 2020 às 08:35
Família reuniu-se na casa do pai da vítima, que tinha chegado  dos EUA
Alexandre Sardo, vizinho
Joaquim Rebelo, comandante dos Bombeiros de Estarreja
Família reuniu-se na casa do pai da vítima, que tinha chegado  dos EUA
Alexandre Sardo, vizinho
Joaquim Rebelo, comandante dos Bombeiros de Estarreja
Família reuniu-se na casa do pai da vítima, que tinha chegado  dos EUA
Alexandre Sardo, vizinho
Joaquim Rebelo, comandante dos Bombeiros de Estarreja
Florinda Santos, de 63 anos, foi visitar o pai, em Veiros, Estarreja, na noite de domingo, depois deste ter regressado dos Estados Unidos - onde tinha passado o Natal com a família, acabando por lá ficar retido pela pandemia de Covid-19 até há poucos dias. A mulher acabou atingida a tiro no ombro pelo marido, de 67 anos, que não saberia que a arma que se encontrava na casa do sogro estava carregada. Florinda não resistiu à gravidade dos ferimentos e morreu ainda no local da tragédia.

“Ninguém sabia que a arma estava carregada. O vizinho estava a limpá-la, foi de certeza por acidente. A família esteve muitos anos emigrada, é muito respeitada e nunca se meteu em desacatos”, garantiu ao CM Alexandre Sardo, vizinho. Ao que o CM apurou, a arma de calibre 6.35 mm, que está ilegal, foi entregue ao genro pelo sogro durante o convívio. 


O alerta foi dado já perto das 21h00. “À nossa chegada, deparamo-nos com uma mulher deitada no chão, à entrada da casa e com um ferimento provocado por uma bala. Iniciámos as manobras de suporte básico de vida, mas o óbito foi confirmado pela equipa da VMER de Aveiro”, disse Joaquim Rebelo, comandante dos Bombeiros de Estarreja.

A GNR foi chamada à casa da família. No entanto, e porque se tratou de uma ocorrência que envolveu uma arma de fogo, o caso passou para a alçada da PJ de Aveiro. O corpo foi levado para o Instituto de Medicina Legal de Aveiro. O suspeito foi notificado para comparecer no tribunal para ser ouvido por um juiz de instrução criminal.

PORMENORES
Arma do crime  
A pistola de calibre 6.35mm, propriedade do pai da vítima, é antiga e com pouco uso. O idoso terá entregado a arma ao genro para este a limpar. Ninguém sabia que a pistola estava carregada.

Viviam nos EUA
Florinda estava emigrada com o marido nos Estados Unidos há várias décadas. Regressou a Portugal em março. O pai tinha ido passar o Natal com ela, mas só conseguiu voltar na semana passada.

Ferimento fatal
O disparo atingiu a vítima no ombro e terá provocado uma hemorragia interna. Os bombeiros e a equipa do INEM ainda iniciaram as manobras de reanimação. Florinda Santos morreu no local.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)