Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Mata peão junto à mulher e foge

Fernando Santos foi atropelado à saída do café onde tinha ido apostar no Euromilhões.
Miguel Curado 2 de Novembro de 2014 às 12:11
Ana Lopes, filha de Fernando Santos, conta que o pai sempre foi cuidadoso a atravessar a estrada
Ana Lopes, filha de Fernando Santos, conta que o pai sempre foi cuidadoso a atravessar a estrada FOTO: Pedro Catarino

Fernando Santos, motorista de autocarros reformado, de 66 anos, e a mulher, saíram de um café à beira da estrada, em Maçã, Sesimbra, onde foram meter o Euromilhões. O dia já escurecia, pelas 18h00 de anteontem – e Fernando foi o primeiro a atravessar a estrada, de regresso a casa. Mas acabou brutalmente colhido por um carro azul, que seguia a alta velocidade, tendo tido morte imediata. O condutor parou, viu a vítima estendida, e fugiu.

Maria Lucinda, a mulher de Fernando Santos, viu tudo mas entrou em choque: não conseguiu fornecer à GNR informações sobre o condutor ou sobre o carro, apenas que era azul. E há só uma testemunha, ouvida pelos investigadores de acidentes da GNR, que indica que o autor do atropelamento parou após o acidente. Mas, depois de alguns segundos a vislumbrar o corpo inanimado do reformado, fugiu.

Ana Paula Lopes, filha de Fernando Santos, disse este sábado ao CM que o pai "sempre foi cuidadoso a atravessar a estrada". "A única coisa que a família deseja agora é que quem fez isto tenha um pouco de arrependimento e se entregue".

morte peão Sintra Euromilhões
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)