Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Médicos de Coimbra suspendem greve

Os médicos do Centro Hospitalar de Coimbra vão suspender a greve temporariamente, esperando que o novo Governo pague as horas extraordinárias em atraso.
3 de Março de 2005 às 18:01
Segundo o secretário regional do Sindicato Independente dos Médicos (SIM), Alcides Catre, em declarações à rádio Renascença, os médicos vão dar um período de, pelo menos, mês e meio ao novo Governo e à tutela para se inteirar do caso. O sindicato deverá tomar uma poisção consoante a resposta do Executivo, mas admite voltar à greve.
A greve marcada pelo SIM para os médicos do CHC - que integra os Hospitais Geral (Covões) e Pediátrico e a Maternidade Bissaya-Barreto - terminava na próxima segunda-feira. Em causa está o não pagamento das horas extraordinárias pelo valor legal e os atrasos, desde o último trimestre de 2003.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)