Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Menina de sete anos abusada por padrinho de 82 anos

Suspeito foi libertado mas ficou proibido de contactar com menores sem a presença dos progenitores.
L.O. 8 de Novembro de 2019 às 09:03
Justiça
Justiça
Justiça
Justiça
Justiça
Justiça
A PJ da Guarda deteve um homem, de 82 anos, por abusos sexuais graves de que foi vítima uma menina de sete anos, neta de uma mulher com quem mantinha uma relação amorosa.

O suspeito, padrinho da vítima, foi libertado mas ficou proibido de contactar com menores sem a presença dos progenitores. O caso aconteceu numa aldeia de Pinhel.

A menina é filha de uma prostituta e por isso vivia com a avó materna, que a criava num ambiente de extrema pobreza. E foi nesse contexto que aconteceram os abusos, com o agressor a valer-se da proximidade com a vítima.

A menina foi abusada nos últimos dois anos, até há dois meses, altura em que a avó a colocou num lar de acolhimento. E foi na instituição que a menor contou os abusos.
PJ Guarda questões sociais maus-tratos
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)