Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Menina oito dias sob sequestro

Uma menina de 14 anos esteve sequestrada durante oito dias por um grupo de delinquentes, que só a devolveu à família após perceber que a Unidade Nacional de Contra- -Terrorismo da Polícia Judiciária andava no seu encalço.
30 de Junho de 2012 às 01:00
Grupo julgado ontem no Tribunal de Almeirim
Grupo julgado ontem no Tribunal de Almeirim FOTO: João Nuno Pepino

O grupo, composto por cinco homens e duas mulheres – com idades entre os 19 e os 26 anos e referenciados por vários furtos e roubos –, está a responder pelo crime de sequestro no Tribunal de Almeirim, onde o julgamento decorreu ontem à porta fechada.

Entre 7 e 15 de Outubro de 2010, a menor, residente em Santarém, foi obrigada a acompanhar a actividade criminosa do grupo e a pernoitar em casas abandonadas, tendas de campismo e dentro de carros em Rio Maior, Benedita, Nazaré, Porto Alto, Golegã e Alcanede.

Dois dos principais arguidos são uma suposta amiga, de 19 anos, e um jovem de 20 anos, que queria manter uma relação amorosa com a vítima. Foram eles que retiraram o telemóvel à menor e o usaram para enviar mensagens à mãe dela, em que diziam para não se preocupar porque estava com amigos.

A família apresentou queixa na GNR e o caso transitou para a PJ de Lisboa. Depois de várias trocas de mensagens, foi combinada a entrega da menor na estação da CP de Ribeira de Santarém, mas o grupo apercebeu-se da presença das forças policiais e fugiu. No dia seguinte, a menor foi deixada no estacionamento de um hipermercado.

Dos sete arguidos, três estão em prisão preventiva, três em prisão domiciliária e um com apresentações trissemanais às autoridades. Os crimes de furto e roubo estão a ser julgados noutros processos.

Grupo sequestra menina julgamento almeirim
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)