Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Menor conduz carro para fugir de castigo

Rapaz de 14 anos arrancou no Mercedes dos pais, que estavam numa reunião na escola.
Liliana Rodrigues 9 de Janeiro de 2017 às 08:45
GNR
GNR FOTO: Pedro Noel da Luz
Ciente de que a reunião que os pais estavam a ter com os professores, no Colégio La Salle, em Barcelinhos, Barcelos, iria acabar num castigo, o estudante de 14 anos decidiu fugir.

Arrancou no Mercedes dos pais, estacionado no parque particular daquele estabelecimento de ensino, mas foi intercetado cerca de dois quilómetros depois por uma patrulha da GNR. Ainda tentou fugir e abalroou o veículo da Guarda, mas acabou imobilizado e entregue à mãe.

Tudo aconteceu na sexta-feira à noite, cerca das 21h00. Devido a demora da reunião escolar para a entrega das notas relativas ao primeiro trimestre, o aluno sabia que iria acabar punido pelos encarregados de educação.

Sentado no carro dos pais, decidiu tentar escapar ou, pelo menos, atrasar o castigo. O objetivo seria fugir até casa, em Nine, Vila Nova de Famalicão. Mas foi tramado por um telefonema anónimo para a GNR a dar conta de que um menor estava a conduzir um carro.

Em minutos, foi encontrado por uma patrulha, quando tentava aceder à estrada que liga Barcelos a Famalicão, e parou a marcha. Ao ser abordado pelos militares, tentou escapar e embateu no carro-patrulha. Os militares tiveram mesmo de se afastar para não serem atropelados.

Na fuga, o estudante regressou ao colégio e acabou por encostar o Mercedes perto do local onde tinha iniciado a fuga. Foi levado para o posto da GNR e depois entregue à mãe. A situação foi participada ao Tribunal de Família e Menores.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)