Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Menor foge com medo de castigo

Uma rapariga de 12 anos fugiu de casa há cinco dias, ao que presume a mãe na companhia do namorado, de 19, com medo de ser internada numa instituição de menores problemáticos. A mãe, residente em Alcobaça, está desesperada e foi ouvida ontem na PJ de Leiria.

5 de Janeiro de 2012 às 01:00
Carla Monteiro vive em pânico com a fuga da filha, a quem pede para regressar a casa
Carla Monteiro vive em pânico com a fuga da filha, a quem pede para regressar a casa FOTO: Carlos Barroso

Daniela Monteiro fugiu do quarto pela janela, na madrugada do último sábado. À mãe deixou apenas uma SMS: "Desculpa mãe, gosto muito de ti e da Susana [irmã de 7 anos], não me procures porque estou bem". Carla Monteiro, de 34 anos, está em pânico com a ausência da filha e culpa o namorado e a Comissão de Protecção de Menores e Jovens (CPMJ) de Alcobaça. "Ele já é adulto e não devia de namorar com ela, que é uma criança", desabafa, adiantando que a filha fugiu "porque foi ameaçada pelas técnicas da comissão". "Numa reunião disseram-lhe que se não acabasse com o namoro poderia ser retirada à família e internada numa instituição", diz Carla Monteiro que é "contra o namoro".

Eva Gonçalves, da CPMJ de Alcobaça, confirma aquela reunião, mas nega a existência de ameaças: "Apenas alertámos a menor e a mãe para o perigo do seu comportamento e do envolvimento com o adulto". A fuga foi comunicada à Judiciária e à GNR.

ALCOBAÇA CASTIGO FUGA
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)