Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Menos crimes como prenda de aniversário

Criminalidade geral desceu 1,36% e violenta 3,13%, em comparação com o ano de 2016.
José Carlos Eusébio 30 de Janeiro de 2018 às 08:25
Cerimónias a assinalar 9º aniversário do Comando Territorial de Faro da GNR realizaram-se em Portimão
GNR
GNR
Cerimónias a assinalar 9º aniversário do Comando Territorial de Faro da GNR realizaram-se em Portimão
GNR
GNR
Cerimónias a assinalar 9º aniversário do Comando Territorial de Faro da GNR realizaram-se em Portimão
GNR
GNR
A GNR registou uma descida na criminalidade, incluindo a violenta, durante o ano de 2017, no Algarve. Os dados foram revelados esta segunda-feira, na cerimónia comemorativa do 9º aniversário do Comando Territorial de Faro da GNR, que decorreu na zona ribeirinha de Portimão.

Segundo o coronel Joaquim Crasto, comandante da GNR na região, no âmbito da criminalidade geral foram registados "13 831 crimes", ou seja, "menos 190 do que em 2016". A descida foi assim de 1,36%. Em relação à criminalidade violenta, a GNR contabilizou 495 crimes, enquanto no ano anterior o número tinha sido de 511.

Houve, portanto, uma diminuição de 3,13%. No total, foram efetuadas 2462 detenções no ano passado.

"Este é um resultado que nos apraz registar e que denota o esforço que temos vindo a fazer na região algarvia", segundo refere o responsável da GNR, destacando, entre outros aspetos, "os programas dirigidos à população mais vulnerável" que estão a ser desenvolvidos pela Guarda.

Ao longo de todo o ano de 2017, o efetivo da Guarda Nacional Republicana presente na região algarvia realizou 74 386 patrulhas, tendo sido percorridos, a pé ou de viatura, mais de 4 milhões de quilómetros.
crimes aniversário criminalidade algarve
Ver comentários