Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Menos mortes na estrada

Portugal registou uma diminuição de 23 por cento nos índices de mortalidade provocada por acidentes de viação entre 2001 e 2004, segundo dados da Comissão Europeia (CE) que, no entanto, alerta para o facto de as estradas portuguesas continuarem a ser as mais mortíferas da Europa.
22 de Fevereiro de 2006 às 15:05
Dados divulgados terça-feira pela CE mostram que entre 2001 e 2004 Portugal apresentou uma taxa de redução de mortalidade na estrada de 1670 para 1294 vítimas (23%), uma diminuição apenas superada no seio da UE pela França (32%) e pelo Luxemburgo (30%).
Apesar deste resultado positivo, Portugal continua a ter as estradas mais perigosas da União. Em 2004 o nosso país registou o segundo valor mais elevado da UE em mortes por acidentes de viação, contabilizando-se 125 mortes por milhão de habitantes. Acima de Portugal está a Grécia com uma média de 153 mortes por milhão de habitantes. No seio da UE, a média é de 95 mortes por milhão de habitantes.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)