Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Metro de Lisboa: Sindicatos retomam diálogo

A Federação dos Sindicatos do Trabalhadores rodoviários e Urbanos (FESTRU) mostrou-se esta quarta-feira disponível para renegociar o Acordo da Empresa (AE) dos funcionários do Metro de Lisboa afastando para já a hipótese de convocar nova greve.
17 de Janeiro de 2007 às 15:21
Os trabalhadores têm realizado sucessivas paralisações exigindo o prolongamento do AE, que termina no final de 2007, temendo o fim das condições de trabalho e direitos sociais que actualmente usufruem, mas a administração considera que o documento está desactualizado e integra várias ilegalidades.
Em declarações à TSF, o sindicalista Diamantino Lopes adiantou que o Conselho de Gerência do Metro comprometeu-se a apresentar na próxima quarta-feira uma proposta sobre a cláusula de vigência do AE com as questões que considera serem as mais importantes para rever, com vista a melhorar a situação financeira da empresa.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)