Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Metro para o Barreiro

O ministro dos Transportes, Mário Lino, anunciou ontem que "o Governo não vai parar o desafio do Metro Sul do Tejo pelo que está já a estudar a extensão ao Seixal e Barreiro". Na inauguração dos últimos 3,8 quilómetros entre Ramalha e Cacilhas do metro em Almada, o ministro Mário Lino disse que o objectivo é estender a linha até à futura estação do Lavradio, "onde haverá ligação em alta velocidade entre Lisboa e o novo aeroporto, em Alcochete".
27 de Novembro de 2008 às 00:30
Mário Lino inaugurou a ligação
Mário Lino inaugurou a ligação FOTO: D.R.

Mário Lino adiantou que perante a crise internacional é necessário investir nas obras públicas, política que segue as recentes orientações da União Europeia.

'Com o alargamento a Cacilhas há a intenção de atingir os 85 mil utentes diários', disse, por sua vez, José Luís Brandão, presidente da Metro Transportes do Sul, entidade concessionária do metro. Com um custo de 400 milhões de euros, o Metro Sul do Tejo obrigou o Governo a pagar 68 milhões de indemnização à concessionária por atrasos. Sem garantias de que serão indemnizados permanecem os comerciantes das ruas que sofreram intervenções.

A entrada em funcionamento do metro vai obrigar à redução de carreiras de autocarros.

O preço do bilhete simples é de 85 cêntimos.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)