Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Militar da GNR de Braga acusado de peculato por roubar 105 euros de bolsa perdida

Bolsa foi confiada por uma cidadã para que a GNR diligenciasse pela sua entrega à proprietária.
Lusa 4 de Novembro de 2019 às 10:03
GNR
GNR FOTO: Pedro Brutt Pacheco
O Ministério Público acusou de peculato um militar da GNR de Braga que alegadamente ficou com o dinheiro que havia numa carteira encontrada por uma cidadã na via pública e entregue no Posto Territorial daquela cidade.

Em nota publicada esta segunda-feira na sua página, a Procuradoria-Geral Distrital do Porto refere que, de acordo com a acusação, o militar recebeu, em 09 de outubro de 2018, no Posto Territorial da GNR de Braga, uma bolsa contendo, além do mais, 105 euros.

A bolsa foi ali confiada por uma cidadã para que a GNR diligenciasse pela sua entrega à proprietária, uma vez que a encontrara perdida na via pública.

O Ministério Público "considerou indiciado" que o arguido, após receber a carteira, retirou da mesma a quantia de 105 euros, "que fez sua".

Ainda de acordo com a acusação, o arguido, confrontado com a prática dos factos, procedeu à devolução da quantia em causa à sua legítima proprietária.
Ministério Público Posto Territorial da GNR de Braga Braga crime lei e justiça julgamentos tribunal
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)