Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Detido suspeito de atear fogo a loja em Aljustrel. Militar da GNR e bombeiro ficaram feridos

No local estão 58 operacionais, apoiados por 23 veículos.
Hugo Rainho e Lusa 6 de Agosto de 2022 às 12:10
A carregar o vídeo ...
Detido suspeito de atear fogo a loja em Aljustrel. Militar da GNR e bombeiro ficaram feridos
Um incêndio que deflagrou este sábado numa loja dos chineses em Aljustrel, Beja, deixou um militar da GNR e um bombeiros feridos por inalação de fumo.

Uma pessoa foi detida por suspeitas de fogo posto. O homem, que terá usado gasolina para atear fogo ao estabelecimento, tentou fugir do local. Foi travado pelos populares e entregue à GNR. A detenção foi formalizada posteriormente pela Polícia Judiciária que fez perícias no local e recolheu os depoimentos de testemunhas.

O alerta foi dado às 10h30 e por volta das 12h00 o fogo estava ativo com os bombeiros a procederem a manobras de combate às chamas.

Quanto aos feridos, foram transportados com ferimentos ligeiros, devido à inalação de fumos, para as urgências do hospital de Beja.

No local estão 58 operacionais, apoiados por 23 veículos.

Segundo apurou o CM, pelo menos seis apartamentos na parte de cima da loja ficaram sem condições de habitabilidade.
GNR Aljustrel Beja questões sociais incêndio
Ver comentários
}