Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Ministério Público pede condenação por homicídio qualificado para menor que matou outro à facada na Amadora

Marcelo Correia foi morto na sequência de uma guerra de gangs rivais da Linha de Sintra e de Chelas apesar de não estar relacionado com nenhum dos grupos.
Miguel Curado 26 de Janeiro de 2022 às 16:06
A carregar o vídeo ...
Ministério Público pede condenação por homicídio qualificado para menor que matou outro à facada na Amadora
O Ministério Público pediu, esta quarta-feira, a condenação de Wilson Gonçalves por homicídio qualificado pela morte de um jovem de 16 anos na estação da Rebloeira, na Amadora. 

Marcelo Correia foi morto na sequência de uma guerra de gangs rivais da Linha de Sintra e de Chelas apesar de não estar relacionado com nenhum dos grupos. O jovem tinha 16 anos quando foi morto à facada a 1 de outubro de 2020.

Na origem deste ataque estiveram "umas bocas". O grupo contou em tribunal que cruzaram-se com Marcelo, que passava na estação da Reboleira com um primo, e rodearam-no. Agrediram-no e mataram-no com três facadas. Wilson Gonçalves, de 17 anos, terá sido o autor das facadas mortais e está a ser julgado por homicídio qualificado.
Ver comentários
}