Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Moderadoras mais caras a partir de hoje

Os utentes dos serviços de saúde públicos vão pagar taxas moderadoras mais caras a partir deste sábado. A partir de agora, uma ida às urgências dos hospitais centrais custará mais 23 por cento. O aumento decorre da aplicação da portaria 219/2006, que estipula os aumentos das taxas moderadoras, publicada no Diário da República do dia 7 de Março.
1 de Abril de 2006 às 11:47
Com a actualização das taxas, os utentes vão passar a pagar 8,5 euros nas urgências dos hospitais centrais (mais 1,6 euros do que pagavam) e 3,3 euros nas urgências dos centros de saúde (mais 1,3 euros). A maior subida (23 por cento) corresponde às taxas moderadoras nas urgências dos hospitais centrais.
A nova tabela das taxas estipula que, por exemplo, os utentes vão ter de pagar 2,75 euros para ter uma consulta nos hospitais distritais e 4,2 euros se a consulta for nos hospitais centrais ou no Instituto Português de Oncologia (IPO). O valor de uma consulta nos centros de saúde será de 2,05 euros.
Refira-se que o Governo justificou este aumento com a necessidade de regular o acesso à utilização de cuidados de saúde e de fazer uma actualização regular destas taxas.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)