Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Monta farmácia ilegal na praça

Uma mulher foi anteontem detida pela PSP do Seixal por estar a vender artigos farmacêuticos numa bancada ambulante no mercado da Cruz de Pau, no Seixal. A mercadoria terá sido roubada numa farmácia da zona de Guimarães.
5 de Julho de 2010 às 00:30
Bancada tinha expostos medicamentos verdadeiros avaliados em dez mil euros
Bancada tinha expostos medicamentos verdadeiros avaliados em dez mil euros FOTO: Javier Barbancho/Reuters

Segundo o CM apurou, foram populares quem alertou a PSP, que rapidamente enviou duas agentes ao local. A mulher guardava várias bancas onde exibia diversos artigos de venda exclusiva em farmácias: antibióticos, dietéticos, anti-histamínicos, anti-inflamatórios e ainda compressas, pinças e outro material médico.

Quando procediam à detenção, as duas agentes tiveram de chamar reforços, uma vez que a vendedora ambulante foi auxiliada por elementos da mesma etnia que tentaram travar a acção policial e permitir a fuga da mesma.

No entanto, a chegada de mais agentes fez com que os ânimos se acalmassem e a mulher foi levada para a esquadra. Acabou por ser constituída arguida e posta em liberdade.

De acordo com fontes policiais, no meio da mercadoria foram encontrados recibos, facturas e outros documentos que levam a suspeitar que os produtos tenham sido furtados em farmácias da zona de Guimarães. A Esquadra de Investigação Criminal da PSP do Seixal continua a investigar.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)