Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Morre a mergulhar em frente à família

Um homem de 36 anos morreu ontem de manhã enquanto praticava caça submarina na praia da Vieirinha, em Sines.
21 de Junho de 2011 às 00:30
O corpo de Vítor Morgado Fernandes esteve no areal durante uma hora, enquanto se aguardava a autorização judicial para a sua remoção
O corpo de Vítor Morgado Fernandes esteve no areal durante uma hora, enquanto se aguardava a autorização judicial para a sua remoção FOTO: direitos reservados

O trágico acidente ocorreu às 11h20, tendo Vítor Morgado Fernandes sido "detectado a boiar próximo da linha de água na parte norte da praia" pelo nadador-salvador que o tentou socorrer. A vítima era natural de Alhandra e passava férias na costa alentejana com a família – mulher e filha de quatro anos – e um casal amigo, que terão assistido a tudo na praia.

"O nadador-salvador achou muito estranha a forma como a vítima se encontrava e, após investigar a situação, constatou que o corpo se encontrava inanimado", adiantou ao CM o comandante da Polícia Marítima de Sines, Félix Marques. "Durante cerca de uma hora, os Bombeiros de Sines e a equipa da Viatura de Emergência Médica do INEM tentaram reanimar o homem, mas sem sucesso", acrescentou a autoridade marítima. "O óbito acabou por ser declarado cerca das 12h10", acrescentou .

Ao que o CM apurou, Vítor Fernandes terá decidido mergulhar e fazer caça submarina na companhia do amigo. Escolheram a praia da Vieirinha, e a vítima estaria dentro de água há 40 minutos. "Tudo indicia que terá falecido por afogamento, mas não se sabe porque terá chegado a essa situação. Só a autópsia pode determinar as causas da morte", acrescentou uma fonte policial. O corpo esteve durante uma hora no areal da praia a aguardar autorização do Tribunal de Santiago do Cacém para a remoção, sendo posteriormente transportado para a morgue do Hospital do Litoral Alentejano.

SINES MORTE AFOGADO CAÇA SUBMARINA PRAIA DA VIEIRINHA
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)