Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

MORREU A JOGAR À BOLA

Um adolescente de 12 anos morreu ontem ao sofrer uma paragem cardio-respiratória quando jogava futebol com amigos na aldeia de Alvoco da Serra, concelho de Seia. A vítima, que já tivera problemas cardíacos, foi identificada como Afonso Figueiredo Santos.
11 de Abril de 2004 às 01:21
Para o local dirigiram-se de imediato os bombeiros que, perante a gravidade da situação, foram obrigados a chamar a Viatura Médica de Emergência Rápida de Viseu, conforme contou fonte dos Bombeiros Voluntários de Loriga. Segundo informações do Hospital de Seia, “o rapaz deu entrada cerca das 19h30 com uma paragem cardio-respiratória. De imediato foram iniciadas as manobras de reanimação, que infelizmente acabaram por não surtir efeito”.
Paulo Monteiro, o médico que prestou assistência à vítima, disse que “as causas que deram origem à morte do adolescente são ainda desconhecidas”. E continuou: “Todos os mecanismos legais vão ser accionados de forma a que se descubra o que provocou a paragem cardíaca”.
O jovem era natural da aldeia de Vasco Esteves de Baixo, freguesia de Alvoco da Serra.
Ver comentários