Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

Morreu jovem que foi agredido em fila para entrar em discoteca no Porto

Vítima, de 23 anos, foi atingida com um murro violento e caiu.
Correio da Manhã 11 de Outubro de 2021 às 13:12
Morreu esta segunda-feira o jovem de 23 anos, estudante universitário, que foi agredido a murro quando estava na fila para entrar numa discoteca, no Porto, na madrugada de domingo.

O estudante, de nacionalidade portuguesa estava a lutar pela vida após as agressões, que aconteceram após uma discussão com estudantes estrangeiros, que o acusavam de estar a passar à frente na fila. Atingido violentamente com um murro, a vítima caiu ao chão, bateu com a cabeça e sofreu graves lesões cerebrais. Um dos suspeitos ainda atirou uma garrafa ao jovem.

O jovem viria a ser transportado para o Hospital de Santo António, no Porto, onde estava a lutar pela vida. Acabou por não resistir aos ferimentos.

Os agressores fugiram e foram depois intercetados pelas autoridades já na avenida dos Aliados. A PSP deteve dois suspeitos, de nacionalidade francesa e também na casa dos 20 anos, que foram depois entregues à Polícia Judiciária. O suspeito que atirou a garrafa ao jovem foi libertado e constituído arguido por agressão. Já o outro detido - que terá desferido o murro violento - ficou na cadeia anexa à PJ. Será esta segunda-feira presente a um juiz e cabe ao procurador decidir agora que crime imputa ao suspeito.

(Em atualização)

Porto crime lei e justiça polícia
Ver comentários