Motoristas da Uber atacados no Algarve

Existem registos de ameaças e perseguições em Lagos e Portimão.
Vários motoristas da plataforma eletrónica Uber estão a ser ameaçados e perseguidos no Algarve, depois de reforçarem os serviços na região turística. O caso mais grave aconteceu no fim de semana passado, em Lagos, com um motorista a ser cercado e agredido a pontapé, alegadamente por um grupo de taxistas.

Os ataques violentos acontecem numa altura em que a Assembleia da República aprovou uma nova versão da chamada ‘lei da Uber’, que enquadra o negócio de transporte em carros descaracterizados e a partir de uma aplicação.

A agressão em Lagos, ao que o CM apurou, aconteceu no sábado à tarde, por volta das 18h30, junto à estação de comboios da cidade algarvia, quando o motorista apanhava um grupo de clientes brasileiros. Já fonte da PSP explica que a vítima foi insultada e ameaçada por quatro ou cinco pessoas e agredida a pontapé. A agressão foi filmada por uma testemunha que divulgou o vídeo na Internet. A vítima garantiu aos agentes da PSP que os agressores são taxistas.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!