Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

MP acusa três arguidos de crimes de abuso sexual de criança

Um dos suspeitos está em prisão preventiva.
31 de Outubro de 2016 às 16:39
Abuso Sexual
Abuso Sexual FOTO: Getty Images
O Ministério Público (MP) acusou três arguidos pela prática de crimes de abuso sexual de criança, tendo dois deles, incluindo a mãe das vítimas, sido acusados daquele crime na forma agravada, divulgou hoje o MP.

Segundo a Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa, ficou indiciado que um dos arguidos, entre janeiro de 2014 e maio de 2016, sujeitou, por diversas vezes, duas menores, nascidas em 13 julho de 2008 e a 01 de fevereiro de 2010, a praticar consigo atos de índole sexual.

Segundo a acusação, a prática dos factos foi "propiciada pelos outros dois arguidos, o tutor daquele e a mãe das menores, que, tendo conhecimento de que o mesmo já fora condenado por crimes de abuso sexual, deixaram, por diversas vezes, as menores sozinhas com ele, e noutras ocasiões deixaram que pernoitassem com o mesmo na mesma divisão da casa onde aquele residia.

O primeiro dos arguidos encontra-se em prisão preventiva.

O inquérito foi dirigido pela 2ª secção do Departamente de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Lisboa, sendo a investigação executada pela Polícia Judiciária.
Ministério Público Lisboa abuso sexual menores Polícia Judiciária crime lei e justiça DIAP
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)