Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

Mulher confessa "sem reservas" agressão a duas magistradas de Matosinhos

Arguida pediu desculpa às ofendidas.
Lusa 30 de Junho de 2020 às 14:07
Tribunal Judicial de Matosinhos
Tribunal Judicial de Matosinhos FOTO: Nuno Fernandes Veiga
Uma mulher acusada de agredir duas magistradas no Tribunal de Matosinhos foi hoje levada a julgamento, confessando os factos "integralmente e sem reservas", manifestando arrependimento e pedindo desculpa às ofendidas, disse fonte ligada ao processo.

Face à confissão, Ministério Público e defesa pediram a condenação da arguida a pena suspensa, sujeita a regime de prova, acrescentou a fonte.

A leitura do acórdão está marcada para 10 de julho, às 14:00, no Tribunal de Matosinhos.

Matosinhos Tribunal de Matosinhos crime lei e justiça
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)