Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Mulher que acusa PSP de agressão no Seixal terá tentado evitar prisão de marido GNR

Enfermeira tentou evitar que militar fosse sujeito ao teste de álcool.
S.G. 11 de Setembro de 2019 às 08:36
PSP
PSP FOTO: João Santos
A enfermeira de 42 anos alegadamente agredida por um agente na esquadra da PSP do Seixal, sexta-feira, terá tentado evitar que o marido, militar da GNR, fosse sujeito ao teste de álcool.

Segundo fonte da PSP, o agente diz que a vítima e o marido pararam o carro à porta da esquadra. Por sentir odor a álcool, propôs o teste do balão e o militar da GNR terá fugido a pé. A mulher impediu a perseguição agarrando-se ao PSP.

Este garante que os ferimentos na mulher foram quando tentava parar as agressões de que estava a ser alvo. A PSP abriu um inquérito interno.
GNR PSP Seixal crime lei e justiça polícia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)