Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
3

Natalino acusado

Natalino, o irmão de Ilídio Correia, a terceira vítima da onda de crimes na noite do Porto, foi acusado pelo Ministério Público, num processo sumaríssimo, por agressão a Mauro Santos, do gang da Ribeira.
17 de Fevereiro de 2009 às 00:30
Mauro está preso por matar Ilídio. Meses antes foi agredido pelo irmão da vítima.
Mauro está preso por matar Ilídio. Meses antes foi agredido pelo irmão da vítima. FOTO: Sérgio Freitas

A decisão do Ministério Público foi tomada há poucos dias, depois da queixa de Mauro, que diz ter sido agredido violentamente no túnel da Ribeira.

A agressão terá ocorrido meses antes do homicídio, na sequência de um clima de intimidação mútua que envolvia os grupos da Ribeira e de Miragaia (o primeiro liderado por Bruno ‘Pidá’, o segundo por Ilídio Correia).

Refira-se, ainda, que neste caso o MP entendeu que a agressão sofrida por Mauro – em prisão preventiva desde Dezembro de 2007, acusado de um homicídio e várias situações de violência – era um caso de menor importância. Por isso, pediu que fosse aplicada uma pena de multa de 1300 euros.

Recorde-se, também, que o confronto entre estes dois grupos teve o momento alto no final de Novembro de 2007. O grupo da Ribeira, liderado por ‘Pidá’ e Mauro, esperou a chegada a casa dos rivais de Miragaia (uma freguesia vizinha) e disparou. Diz a acusação do MP, num processo que deverá brevemente chegar a julgamento, que só mataram os restantes irmãos por acaso.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)