Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Noite de diversão acaba em tragédia para amigas

Duas mulheres morreram num choque frontal em Santa Maria da Feira quando iam ter com os companheiros.
Paulo Jorge Duarte 25 de Março de 2019 às 01:30
Cristiana Rocha morreu em acidente em Sta. Maria da Feira
Cristiana Rodrigues morreu em acidente em Sta. Maria da Feira
Choque brutal mata duas amigas em Sta. Maria da Feira
Choque brutal mata duas amigas em Sta. Maria da Feira
Cristiana Rocha morreu em acidente em Sta. Maria da Feira
Cristiana Rodrigues morreu em acidente em Sta. Maria da Feira
Choque brutal mata duas amigas em Sta. Maria da Feira
Choque brutal mata duas amigas em Sta. Maria da Feira
Cristiana Rocha morreu em acidente em Sta. Maria da Feira
Cristiana Rodrigues morreu em acidente em Sta. Maria da Feira
Choque brutal mata duas amigas em Sta. Maria da Feira
Choque brutal mata duas amigas em Sta. Maria da Feira
Dois casais jantaram juntos, no sábado, em Santa Maria da Feira, e decidiram terminar a noite num bar, em Espinho. As mulheres, de 29 anos, seguiram juntas num carro e os companheiros optaram pela segunda viatura. Cristiana Rocha e Cristiana Rodrigues morreram quando o veículo em que seguiam chocou de frente e de forma violenta com uma viatura que circulava em sentido oposto, na EN223, nas traseiras do hospital da Feira. No segundo carro envolvido no acidente seguia uma jovem de 13 anos, que sofreu ferimentos considerados graves e os pais, com cerca de 40, também feridos.

"Combinámos o ponto de encontro num bar em Espinho. Chegámos primeiro e telefonámos. Ninguém atendia. Senti que algo de terrível tinha acontecido e fiz o caminho inverso já desesperado, até encontrar o acidente", contou, visivelmente abalado, Hélder Duarte, companheiro há dois meses de Cristiana Rocha. Moravam em S. João de Ver, na Feira.

Já Cristiana Rodrigues era casada há 11 anos e deixa duas filhas, de 5 e 9 anos. "O casal veio trazer as meninas à avó, como era costume aos sábados. Vimos a Cristiana com vida, sempre sorridente, e aconteceu esta tragédia pouco depois", contou Diana Marinho, cunhada da vítima mortal. "Era boa mãe, boa mulher, boa em tudo", acrescentou. O casal vivia em Gaia.

O alerta foi dado por volta das 22h00. "Deparámo-nos com as duas mulheres, encarceradas num carro, em paragem cardiorrespiratória. Infelizmente, as manobras de reanimação não tiveram sucesso", afirmou Carlos Calçada, dos bombeiros da Feira. As vítimas não resistiram à gravidade dos ferimentos.

Os dois óbitos foram declarados pela equipa da viatura médica de emergência e reanimação de Santa Maria da Feira. Os corpos das vítimas foram transportados para o Gabinete de Medicina Legal para autópsia.

PORMENORES
Encontro num bar
Os dois casais eram amigos de longa data e conviviam todos os sábados. Na noite da tragédia, deixaram os filhos com familiares. Estiveram a jantar numa rulote, em Arrifana, Santa Maria da Feira. Combinaram seguir, depois, em carros separados, para o bar B4, em Espinho.

Arouca e Espinho
Cristiana Rocha trabalhava no hipermercado Intermarché, em Arrifana, Feira. Era natural de Escariz, Arouca. Cristina Rodrigues era funcionária da fábrica de conservas Dat-Schaub, em Arcozelo, Vila Nova de Gaia. Era natural de Espinho.

Jovem gravemente ferida seguia com os pais de carro
Num dos carros envolvidos no violento acidente seguia uma família que ficou ferida. Uma jovem, de 13 anos, sofreu ferimentos graves e foi levada ao Hospital de S. João, no Porto. Os pais também ficaram feridos e foram transportados para o hospital da Feira.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)