Terrorista que matou 49 pessoas esteve em Portugal a passar férias

Brenton Tarrant atacou duas mesquistas, na Nova Zelândia.
15.03.19
Brenton Tararrant, o autor do ataque a duas mesquitas da Nova Zelândia que provocou a morte de pelo menos 49 pessoas, escreveu um manifesto de 73 páginas nas quais explica as suas motivações para o que fez.

No documento, o australiano de 28 anos revela que passou por Portugal, durante uma viagem que fez à Europa.

"Eu fiz uma viagem à Europa ocidental e estive em países como França, Espanha, Portugal e outros. O primeiro evento que provocou a mudança na minha cabeça foi o ataque em Estocolmo, no dia 7 de abril de 2017. Foi mais um ataque terrorista numa série de tantos outros que nunca mais acabam", escreveu o homicida.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!