Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

“Nunca como agora o MP foi tão atacado"

A lista única às eleições no sindicato dos Magistrados do Ministério Público (SMMP), liderada por João Palma, dá a conhecer esta quarta-feira o seu manifesto e programa eleitoral, falando num “ataque” ao Ministério Público (MP).
4 de Março de 2009 às 11:46

O manifesto refere que “nunca como agora o MP foi tão atacado e vilipendiado, alvo de reformas legislativas e campanhas de deslegitimação tão bem orquestradas e institucionalizadas, com cumplicidades inesperadas. As verdadeiras motivações dessas campanhas talvez a história se encarregue de as evidenciar, mais cedo do que se pensa".

“Mais uma vez agora, a propósito das alterações ao paradigma constitucional do MP por via do Estatuto do Ministério Público (EMP), os magistrados têm manifestado, com coragem, a sua unidade e coesão interna”, refere o mesmo documento, fazendo alusão a uma petição que já conta com 900 assinaturas e que tem como objectivo a fiscalização por parte do Tribunal Constitucional de alterações introduzidas ao EMP.

 

 

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)