Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

O serviço é uma confusão

O presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP) afirmou ontem que “teve razão antes do tempo” ao criticar o modo de funcionamento do Serviço Nacional de Bombeiros e Protecção Civil (SNBPC).
16 de Novembro de 2005 às 00:00
Para Duarte Caldeira, que comentava o relatório do presidente do SNBPC – bastante crítico para a própria estrutura –, a fusão da Protecção Civil e do Serviço Nacional de Bombeiros foi “precipitada e não sustentada”.
“O objectivo era criar um sistema único, mas o que se verificou foi um ajuntamento de pessoas sem missões definidas pelos demais agentes da Protecção Civil”, disse o presidente da LBP, para quem “tanta confusão só poderia dar um serviço descoordenado”.
Este é um dos temas a debater no 39.º Congresso Nacional da LBP, que começa hoje no Pavilhão Multiusos de Viseu. Duarte Caldeira é o único candidato à liderança da Confederação dos Bombeiros Portugueses para o triénio 2006/08.
Ver comentários