Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Octapharma foi condenada por cartel no Brasil

Multas a empresas totalizam um valor superior a 250 mil euros.
Tânia Laranjo 18 de Abril de 2016 às 17:39
Aquando da detenção, a Octapharma pagava a José Sócrates 12500 euros por mês
Aquando da detenção, a Octapharma pagava a José Sócrates 12500 euros por mês FOTO: Sérgio Lemos
A Octapfarma, farmacêutica que pagava a José Sócrates 12 500 euros por mês aquando da sua detenção, foi condenada a uma pena de multa no processo conhecido como ‘Máfia dos Vampiros’, investigado no Brasil.

O Conselho Administrativo de Defesa Económica condenou ainda outras duas empresas, por formação de cartel, em concursos abertos pelo Ministério da Saúde, em 2004, que visavam a aquisição de hemoderivados (medicamentos derivados do sangue ou de plasma humano). As multas aplicadas somam mais de um milhão de reais – cerca de 250 mil euros.

As irregularidades detetadas são várias. Está em causa, por exemplo, a formação de ajustes entre as empresas que se candidatam aos concursos; a fixação de preços, de modo a impedir que as propostas ficassem abaixo de um determinado valor; o direcionamento privado das adjudicações; e a divisão de mercado de produtos entre as várias empresas integrantes do cartel.

"As provas demonstram que o conluio entre concorrentes foi efetivamente implementado", disse o conselheiro relator do processo administrativo, Gilvandro de Araújo.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)