Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Sete meios aéreos combatem chamas em Leiria

Incêndio já está dominado e a A13 já foi reaberta ao trânsito
Paula Gonçalves e Lusa 11 de Julho de 2019 às 15:26
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
Incêndio em Leiria
O incêndio que deflagrou ao início da tarde desta quinta-feira em Alvaiázere, no distrito de Leiria, já se encontra dominado tendo sido reaberta a A13. As chamas foram combatidas por oito meios aéreos e mais de 200 elementos, disse à agência Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro.

O fogo obrigou ao corte da A13 nos dois sentidos, entre os nós de Cabaços e Avelar, devido à proximidade da autoestrada com o local do incêndio. 



Segundo fonte do CDOS, o alerta para o fogo numa zona florestal na localidade de Melgaz, freguesia de Pussos São Pedro, em Alvaiázere, foi dado por um vigia, pelas 14h16.

O fogo teve duas frentes ativas, mas não colocou habitações em risco, avançou a mesma fonte.

No local estão sete meios aéreos, um dos quais "é apenas de reconhecimento", disse a mesma fonte.

A página da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil refere que estão no terreno em operações 267 elementos, apoiados por 79 veículos.

Segundo o CDOS, os meios irão manter-se em mesmo número no local, pelo menos até o fogo estar em fase de conclusão.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)