Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Operários feridos à facada em rixa

Dois operários da construção civil foram violentamente esfaqueados, ontem de manhã, no interior de um posto de abastecimento de combustíveis, em Albergaria-a-Velha, por um grupo de indivíduos que estava no mesmo local e que tentou roubar o saco de um trabalhador.
11 de Agosto de 2009 às 00:30
Vítimas foram agredidas na estação de serviço da Total, na EN1, em Albergaria-a-Velha
Vítimas foram agredidas na estação de serviço da Total, na EN1, em Albergaria-a-Velha FOTO: José Rebelo

Por volta das 06h00, a carrinha que transporta vários operários oriundos de Gondomar e de Gaia para a obra na fábrica Martifer, em Sever do Vouga, parou nas bombas da Total, na EN1. A habitual pausa para o pequeno-almoço, ontem, terminou mal para dois dos trabalhadores, um de 23 e outro de 24 anos.

De acordo com as autoridades, os dois jovens foram atacados por um grupo de homens que entrou na zona da cafetaria. Um deles tentou roubar o saco de um dos operários que estava atento aos seus haveres e reagiu.

"Isso tem dono", foi, segundo a GNR, a única frase que o rapaz disse ao homem que tentou levar o saco.

A reacção do ladrão foi de faca em punho, contra o jovem de 23 anos. De imediato os colegas do operário saíram em sua defesa, enquanto que os amigos do agressor puxaram também de facas.

Na luta, os dois jovens foram violentamente esfaqueados em várias partes do corpo e receberam tratamento no Hospital de Aveiro. Os golpes provocaram ferimentos graves, mas nenhum dos operários corre risco de vida.

Sobre os agressores, pouco ou nada se sabe. Após as agressões, fugiram rapidamente do local ao volante de um automóvel que não foi identificado. Na gasolineira, ninguém quis, ontem, prestar esclarecimentos. A GNR de Albergaria-a-Velha investiga o caso.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)