Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
6

Padrasto abusa em quarto de hotel

Vítima tem 21 anos e sofre de graves perturbações mentais. Está institucionalizada e foi vítima de violação quando foi passar uns dias com a família
16 de Janeiro de 2014 às 11:25
padrasto, abusa, enteada, perturbações, mentais
padrasto, abusa, enteada, perturbações, mentais FOTO: Ricardo Cabral

"Ana", nome fictício, tem 21 anos. É portadora de uma deficiência mental profunda e está institucionalizada na zona de Trás-os Montes. Entre 28 e 31 de março do ano passado, quando sai u da instituição para passar uns dias com a mãe, foi repetidamente violada. O padrasto levou-o para um quarto de hotel e cometeu os crimes. Foi preso pela Polícia Judiciária de Vila Real.

A denúncia foi feita pela jovem aos responsáveis da instituição onde vivia. Teve dificuldade em revelar o que acontecera, mas as autoridades acreditam que os abusos ocorreram pelo menos duas vezes. A jovem mostrava-se ansiosa após a visita à família, mas não conseguia revelar os contornos do crime.

Durante meses, foi acompanhada por especialistas que conseguiram perceber que algo de grave acontecera. A jovem acabou por conseguir contar algumas das situações. Foi sujeita a exames médicos que confirmaram terem ocorrido contactos sexuais.

O padrasto, de 40 anos, sem profissão e já com cadastro por roubo, foi ontem preso pelos inspetores da Judiciária. Foi levado ao Tribunal de Instrução Criminal, para ser interrogado por um magistrado. Ficou em prisão preventiva.

A Polícia Judiciária de Vila Real está agora a investigar se a mãe teria conhecimento dos abusos, e em que circunstância é que a jovem esteve sozinha com o padrasto. Quanto ao hotel, em Macedo de Cavaleiros, há registo da entrada do casal, pelo menos em dois daqueles dias, mas nenhum funcionário suspeitou de qualquer crime.

padrasto abusa enteada perturbações mentais
Ver comentários