Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
7

Pai de Rodrigo Lapa indignado com a justiça portuguesa no caso do jovem assassinado em Portimão

Rodrigo Lapa foi estrangulado em fevereiro de 2016. Principal suspeito fugiu para o Brasil com provas do crime.
Tânia Laranjo 13 de Junho de 2019 às 21:31
A carregar o vídeo ...
Rodrigo Lapa foi estrangulado em fevereiro de 2016. Principal suspeito fugiu para o Brasil com provas do crime.

No Investigação CM desta quinta-feira recordamos o caso de Rodrigo Lapa, de 15 anos, assassinado em fevereiro de 2016 em Vendas, Portimão. O único suspeito do crime é o padrasto do jovem, Joaquim Lara Pinto, que se encontra em liberdade no Brasil.

Em entrevista exclusiva ao Investigação CM o pai de Rodrigo partilha a descrença que sente na justiça portuguesa por não ter punido o homicida do filho.

Segundo Pedro Proença, advogado de Sérgio Lapa, foi encontrado o ADN de Joaquim Lara Pinto num par de luvas de látex esquecido junto ao cadáver de Rodrigo – semelhante ao que foi recuperado na casa que o suspeito partilhava com a vítima e a mãe deste.

Sérgio Lapa deixa um apelo ao governo português para que a justiça seja feita.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)