Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Pai e filho motards morrem em colisão

Dois motards ingleses, pai e filho, morreram anteontem numa colisão com uma viatura ligeira ocorrida cerca das 22h30 na EN 264, no sítio do Joinal, entre S. Bartolomeu de Messines e o Algoz. O condutor do carro, que abandonou o local, foi localizado horas depois e entregou-se voluntariamente à GNR.
28 de Maio de 2006 às 00:00
As duas motas e a viatura ligeira envolvidas na colisão, na EN 264, ficaram totalmente destruídas
As duas motas e a viatura ligeira envolvidas na colisão, na EN 264, ficaram totalmente destruídas FOTO: José Carlos Campos
Devido à violência da colisão, os ingleses, que seguiam em motociclos de alta cilindrada, tiveram morte imediata. O pai, Jules Lawrie, de 42 anos de idade, seguia numa “chopper”, de matrícula inglesa, enquanto o filho, Julian Lawrie, de 19, conduzia um motociclo alugado, de matrícula portuguesa.
Joaquim Gonçalves, comandante dos Bombeiros Voluntários messinenses, que acorreram ao local com seis viaturas e 14 elementos, confessou “nunca se ter deparado com uma coisa assim”. “Havia destroços das motas espalhados por todo o lado, de tal forma que a princípio nem percebemos que eram duas”.
Quando os bombeiros e a BT /GNR de Albufeira chegaram ao local, minutos após o acidente, já não encontraram o condutor do ligeiro, que se viria a entregar, mais tarde, à GNR de S. Bartolomeu de Messines, que procedeu à sua identificação e o submeteu ao teste da alcoolémia (por análise ao sangue, uma vez que já tinham passado algumas horas após o sinistro), cujos resultados se aguardavam ainda ontem à tarde.
Segundo o CM apurou, trata-se de um homem de meia idade, morador na zona de Messines e que trabalha em Algoz.
Os corpos das vítimas, residentes na região e que nada teriam a ver com uma concentração motard ontem realizada no Algarve, foram transportados para o Instituto de Medicina Legal de Portimão, onde serão autopsiados. O acidente está a ser investigado pelo Núcleo de Investigação Criminal da BT.
Ver comentários