Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
9

Pais afectivos de Iara recorrem

Graça e Américo Carquejo, os pais afectivos de ‘Iara’ – a criança de seis anos que vai ser devolvida à mãe biológica por decisão judicial – entregaram no Tribunal Judicial de Vila Real um pedido de aclaração da sentença e um recurso da decisão.
6 de Dezembro de 2007 às 00:00
Casa da família Carquejo, onde ‘Iara’ vive desde os 25 dias
Casa da família Carquejo, onde ‘Iara’ vive desde os 25 dias FOTO: Sérgio Freitas
“Esperamos que o nosso procedimento seja analisado devidamente e ponderado de modo a impedir que a medida tomada não seja concretizada”, disse ontem ao CM Délio Bessa, irmão de Graça Carquejo.
A família quer que o tribunal clarifique se poderá manter contacto com a menina quando esta for institucionalizada ou quando for entregue à mãe. Pretende ainda saber onde é que ‘Iara’ vai passar o Natal.
Uma nova queixa poderá, entretanto, dar entrada em tribunal. Desta vez de Brigite Salgueiro, a mãe biológica, contra os autores dos cartazes que foram colocados nas ruas de Vila Real pelo movimento de solidariedade ‘Juntos pela Iara’.
Ver comentários