Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Pastor da Igreja Baptista julgado por abuso sexual

Começa esta quarta-feira o julgamento de um pastor da Igreja Baptista, acusado de abusar da enteada e de uma prima da adolescente, ambas menores
5 de Junho de 2013 às 09:45

Um pastor da igreja Baptista começa a ser julgado no Campus da Justiça de Lisboa esta quarta-feira por, alegadamente, ter abusado sexualmente de duas menores que, à data dos factos, tinham 10 e 15 anos.

O arguido, brasileiro de 34 anos, é suspeito de ter cometido crimes de cariz sexual com as vítimas, uma sua enteada e uma prima desta, entre 2008 e 2009, refere a agência Lusa, que teve acesso ao despacho de acusação.

De acordo com o Ministério Público (MP), os alegados atos sexuais foram praticados em duas habitações (uma em Lisboa e outra em Loures) que o arguido começou por frequentar e mais tarde habitou, maritalmente, com a mãe da criança mais nova.

Num dos episódios descritos na acusação, o homem aproveitou o facto de a companheira e mãe da vítima ter ido trabalhar, para "levar a menor para a cama".

O MP sublinha que o indivíduo "ameaçou" por diversas vezes as vítimas, dizendo que caso contassem alguma coisa "seria pior".

O casal teve uma filha em comum e, após ter conhecimento dos factos, a mulher separou-se do suspeito.

A primeira sessão do julgamento está agendada para as 9h30 na 4.ª Vara Criminal de Lisboa, no Campus da Justiça.

Caso seja condenado, o MP pede a pena acessória de expulsão do território nacional, uma vez que o arguido se encontra ilegal em Portugal.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)