Baião: pedem 818 mil euros por três mortes

Acidente ocorreu em 2009 na passagem de nível de Santa Leocádia.
Por Mónica Ferreira|11.09.15
  • partilhe
  • 0
  • +
Baião: pedem 818 mil euros por três mortes
José Felgueiras (foto pequena) era o maquinista do comboio. Travou para tentar evitar o choque Foto Alexandre Panda
A família de três das seis vítimas mortais do acidente na passagem de nível de Santa Leocádia, em Baião – em setembro de 2009 – e o jovem, na altura com 17 anos, que sobreviveu intentaram um ação cível onde pedem uma indemnização de 818 mil euros à Refer e a uma companhia de seguros. O caso começou esta quinta-feira a ser discutido no Tribunal de Penafiel.

"Existe aqui responsabilidade do condutor do automóvel, que não tomou as devidas precauções, mas também da REFER, visto que o local não apresenta as condições de segurança necessárias", disse o advogado Amadeu Pêgas.

Esta quinta-feira, foi ouvido o maquinista da CP que conduzia o comboio. "Avistei o carro a cerca de 30 ou 40 metros. Ainda travei e buzinei", recordou José Felgueiras. A indemnização pedida diz respeito às mortes de Manuel Lucas, da mulher, Maria Lucas, e do neto Marco Soares. A quantia é também relativa aos ferimentos sofridos por Pedro Monteiro, também neto do casal.


pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!