Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Pedófilo viola a filha da namorada e é solto

Durante dois meses, ‘Maria’, nome fictício, foi repetidamente violada pelo namorado da mãe. Só quando o pedófilo, de 45 anos, emigrou, a menina de 13 anos ganhou coragem para contar tudo a um familiar. A queixa foi apresentada na GNR e a investigação desenvolvida pela Polícia Judiciária de Braga, que deteve o predador. Ontem, o tribunal libertou-o.
6 de Janeiro de 2012 às 01:00
pedófilo, violação, abusos sexuais, braga
pedófilo, violação, abusos sexuais, braga FOTO: Ricardo Cabral

O pedófilo aproveitava a ausência da mãe de ‘Maria’, com quem mantinha um relacionamento amoroso, para forçar a menina a ter relações sexuais em casa dela. Natural de Santo Tirso, mas com residência em Braga, o predador sexual ameaçava a menor para que ela não contasse os abusos de que era vítima. Amedrontada com a hipótese de vir a ser fisicamente agredida, ‘Maria’ aguentou as violações, que duraram pelo menos dois meses – entre Abril e Maio do ano passado.

Quando o pedófilo, que trabalha como cofrador, emigrou para França, a menina encheu-se de coragem e contou as repetidas violações a uma familiar. A mãe de ‘Maria’ nunca desconfiou de nada, embora estranhasse algumas mudanças de humor da filha.

O pedófilo foi detido anteontem pela Polícia Judiciária de Braga, durante um período de férias que está a passar em Braga. Depois de interrogado no Tribunal de Braga, o juiz libertou-o até ao julgamento. Proibiu-o de contactar a menor.

pedófilo violação abusos sexuais braga
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)