Pena máxima para homem que matou pais e irmã na Madeira

Triplo homicídio aconteceu em agosto de 2017.
13.06.18
Foi condenado à pena de 25 anos de prisão o homem que matou os pais e a irmã em agosto de 2017, no concelho de Santana, na Madeira.

Emiliano Freitas Martins, que terá atingido os familiares a tiro no dia 12 de agosto, foi condenado esta quarta-feira à pena de prisão máxima, pelo Tribunal do Funchal.



pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!
Comentário mais votadoEscreva o seu comentário
  • De jotana13.06.18
    Casos como este ou semelhantes deviam mesmo ser os 25 anos cumpridos na integra sem direito a outras regalias.
1 Comentário
  • De jotana13.06.18
    Casos como este ou semelhantes deviam mesmo ser os 25 anos cumpridos na integra sem direito a outras regalias.
    Responder
     
     0
    !