Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Pena reduzida a agressor

Duas dezenas de pessoas protestaram ontem junto ao Tribunal da Relação de Évora contra uma decisão deste tribunal, que reduziu a pena a um homem acusado de agredir a mulher.
7 de Outubro de 2011 às 01:00
Cadeiras pintadas no protesto
Cadeiras pintadas no protesto FOTO: direitos reservados

"É uma decisão que mostra a impunidade da violência doméstica no nosso País. A justiça tem de ser pressionada e a sociedade tem de ser menos passiva ", disse ao CM Amália Oliveira, uma das manifestantes.

Condenado pelo tribunal de Setúbal a um ano e meio de prisão, suspenso com o pagamento de 8 mil euros à vitima, o agressor viu, através do recurso apresentado na Relação de Évora, a pena reduzida a um crime de ofensa à integridade física simples, com multa de 800 euros. Paga 500 euros à mulher.

CADEIRAS PROTESTO ÉVORA PENA AGRESSOR
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)