Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

Penhora do Fisco encontra droga

O ressentimento de Manuel, um ex-instrutor militar de pára-quedismo de 60 anos, é todo para com a ex-mulher. Na semana passada, a PSP foi a uma casa em Miraflores, Oeiras – onde a ex-mulher do militar ficou a morar após o divórcio de ambos –, acompanhar as Finanças numa acção de penhora por dívidas fiscais, e encontrou no seu interior cocaína pura e milhares de euros de proveniência duvidosa.
27 de Fevereiro de 2010 às 00:30
Manuel está preso em casa, em Algés. Culpa a mulher pelas dívidas fiscais que levaram a PSP a prendê-lo
Manuel está preso em casa, em Algés. Culpa a mulher pelas dívidas fiscais que levaram a PSP a prendê-lo FOTO: Pedro Catarino

"Após o divórcio ela arranjou emprego em firmas privadas de financiamento e acumulou dívidas", garantiu ao CM Manuel, preso em casa, na cave de um apartamento da rua da Eira, em Algés.

Com o intuito de cobrar 9 mil euros de dívidas fiscais, uma equipa das Finanças deslocou-se, na sexta-feira da semana passada, à casa da ex-mulher de Manuel. Acompanhados pela PSP, os inspectores encontraram vazio o apartamento da rua da Piscina, em Miraflores, apreendendo um produto suspeito de ser droga e um cofre com cerca de dez quilos de peças em ouro.

Já com mandados judiciais, a PSP regressou ao mesmo imóvel na segunda-feira seguinte, apreendendo 3,665 quilos de cocaína, e 112 600 euros. Na casa onde o ex-militar está detido, a PSP apreendeu 12 armas de fogo, 176 munições e uma arma branca. Apesar de assegurar que todas as armas estão legalizadas, Manuel não terá, segundo fonte policial, conseguido justificar a posse de pelo menos cinco armas.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)