Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
5

Perto de 6.000 acidentes com bicicletas e 134 mortos em 2010/2013

A maioria dos mortos e dos feridos graves resulta de acidentes registados dentro das localidades.
22 de Outubro de 2014 às 17:04
Acidente com uma bicicleta em Penafiel
Acidente com uma bicicleta em Penafiel FOTO: Roberto Bessa Moreira

Os 5.741 acidentes envolvendo bicicletas provocaram 134 mortos e 284 feridos graves, entre 2010 e 2013, sendo a colisão com veículos motorizados o desastre mais frequente, indicou hoje a Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR).

Segundo a ANSR, que apresentou esta quarta-feira uma campanha para prevenir os acidentes com ciclistas, os desastres com bicicletas representaram 4,5 por cento do total de desastres registados nas estradas portuguesas. Os dados da Segurança Rodoviária adiantam que a maioria dos mortos e dos feridos graves resulta de acidentes registados dentro das localidades, embora nos últimos três o número de vítimas mortais tenha diminuído seis por cento.

Os distritos com maior número de mortos foram, entre 2010 e 2013, Aveiro, Faro e Lisboa, refere a ANSR, sublinhando que é entre as 18h00 e as 21h00 que se verifica o maior número de acidentes envolvendo ciclistas. Para promover o convívio entre utilizadores de bicicletas e automobilistas e prevenir para comportamento de risco, a ANSR apresentou esta quarta-feira a campanha "Segurança dos ciclistas, uma responsabilidade partilhada", que vai passar nas televisões.

Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária Segurança Rodoviária acidente mortos bicicletas
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)