Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
4

Pescadores da Caparica sem campo para jogar

Interdição foi decidida depois de uma vistoria que alertou para possível queda de projetores.
João Saramago 22 de Março de 2018 às 09:18
Presidente dos Pescadores, António Martins (à esquerda), e vice-presidentes, Duarte Tavares e José Murça
Presidente dos Pescadores, António Martins (à esquerda), e vice-presidentes, Duarte Tavares e José Murça FOTO: Vítor Chi
O Grupo Desportivo Pescadores da Costa da Caparica (Almada) está impedido de utilizar o campo de futebol na sequência de uma inspeção pedida pela CostaPolis, proprietária do espaço.

O presidente do clube desportivo, António Martins, confirmou a interdição do campo por falhas no equipamento, que colocam em risco pessoas e bens, e acrescentou que "são necessários 30 mil euros para reparar os projetores de iluminação que ameaçam cair, bem como efetuar melhorias na instalação elétrica". Verba que o clube, prestes a cumprir 75 anos, não possui.

António Martins lamenta que "devido à interdição cerca de 300 crianças e adolescentes estão impedidos da prática desportiva". O responsável do clube refere ainda que "o custo das obras terá de ser suportado pela CostaPolis, pois a instituição está em falta para com os Pescadores". E recorda que "o acordo de 2008 previa a saída do clube do campo em 2010, para instalações novas pagas pela CostaPolis, o que nunca se concretizou".

Em resposta ao CM, a CostaPolis esclarece que "nunca assumiu qualquer compromisso de proceder à manutenção de instalações cujo destino será a demolição". Acrescenta ainda que foi "acordada uma indemnização pelas benfeitorias realizadas, de 590 957 euros. Deste valor, falta apenas entregar cem mil euros, por só ser devido quando forem libertadas as instalações".

A CostaPolis refere também que os Pescadores da Costa da Caparica continuaram a utilizar as instalações "de modo pleno e sem quaisquer limitações mantendo-se legalmente responsável pelas obras de manutenção" das mesmas.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)