Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

PJ caça suspeito de matar com álcool etílico em Braga

Indivíduo já foi identificado. João Paulo Silva morreu aos 43 anos.
Secundino Cunha e Liliana Rodrigues 12 de Julho de 2019 às 01:30
Um morto e duas vítimas inconscientes encontrados na rua após consumo de álcool no centro de Braga
INEM
INEM
INEM
Um morto e duas vítimas inconscientes encontrados na rua após consumo de álcool no centro de Braga
INEM
INEM
INEM
Um morto e duas vítimas inconscientes encontrados na rua após consumo de álcool no centro de Braga
INEM
INEM
INEM
Foi identificado pela Polícia Judiciária o homem suspeito de, na quarta-feira à tarde, ter misturado álcool etílico no vinho de pacote que três amigos bebiam, num banco de jardim da praça Conde de Agrolongo, no Campo da Vinha, no centro de Braga. O suspeito foi detido, mas não confessou o crime.

Um deles, João Paulo Silva, de 43 anos, acabou por morrer no local. O cadáver já foi autopsiado, mas só o resultado dos exames toxicológicos - que podem demorar vários dias - confirmarão a existência de álcool etílico.

O indivíduo que terá realizado a mistura estava ainda a ser inquirido na PJ de Braga ontem à noite. As duas vítimas sobreviventes, com cerca de 50 anos, foram transportadas em coma alcoólico para o Hospital Central de Braga.

"Os três homens costumavam encontrar-se todos os dias aqui, há uns três anos, para beber vinho de pacote que compravam num supermercado da praça. O que aconteceu, desta vez, foi que um indivíduo, que nunca cá tínhamos visto, achou piada aos bêbedos e resolveu enfiar-lhes vinho pela boca até caírem para o lado", disse ao CM António Azevedo, que assistiu a toda a situação.

O comerciante diz não ter visto o suspeito a colocar álcool etílico no vinho dos três ébrios. A Judiciária, que tem a investigação do caso em mãos, investiga a possibilidade de ter sido essa a causa da morte de João Paulo Silva.

Os outros dois homens, que foram hospitalizados na quarta-feira, tiveram esta quinta-feira alta, explicou ao Correio da Manhã fonte hospitalar.

PORMENOR
Arrumavam carros
Os três homens que se juntavam a beber vinho de pacote no Campo da Vinha eram arrumadores de carros em algumas praças da cidade, nomeadamente nas imediações dos centros comerciais dos Granjinhos e de S. Lázaro.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)