Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

PJ descarta homicídio de idosa

A Judiciária de Vila Real descartou a hipótese de homicídio no caso da morte de Alzira Reis. O cadáver da mulher, de 70 anos, foi encontrado anteontem à tarde por uma vizinha, dentro de casa, em Sernancelhe, com marcas na cabeça e cortes nos pulsos.
30 de Janeiro de 2012 às 01:00
Sofreu queda acidental
Sofreu queda acidental FOTO: Nuno André Ferreira

Tal como o CM noticiou ontem, algumas horas após a chegada dos inspectores de Vila Real, a tese de acidente passou a ganhar força. E acabou por se confirmar, após várias diligências efectuadas no local pelos inspectores.

Segundo o CM apurou, a mulher, que sofria de problemas de alcoolismo, terá acidentalmente sofrido uma queda, ferindo-se. Ter-se-á depois tentado movimentar pela casa, deixando algumas marcas de sangue. Segundo a Judiciária, não há indícios de violência, sendo que a porta estava fechada à chave e só a vítima e uma vizinha tinham a chave. O corpo deve ser autopsiado ainda hoje.

IDOSA MORTE SERNANCELHE JUDICIÁRIA
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)