Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal

PJ detém agricultor suspeito do incêndio que deflagrou em Amarante

Chamas consumiram uma vasta área de mato.
Correio da Manhã 24 de Julho de 2019 às 11:30
O suspeito confessou o crime aos militares da GNR
Detenção por fogo florestal
Homem de 29 anos terá ateado fogo no lugar de Barreiros, Sarzedo, no concelho de Arganil
O suspeito confessou o crime aos militares da GNR
Detenção por fogo florestal
Homem de 29 anos terá ateado fogo no lugar de Barreiros, Sarzedo, no concelho de Arganil
O suspeito confessou o crime aos militares da GNR
Detenção por fogo florestal
Homem de 29 anos terá ateado fogo no lugar de Barreiros, Sarzedo, no concelho de Arganil
A PJ deteve um agricultor de 51 anos fortemente indiciado da autoria de um incêndio florestal que deflagrou na manhã desta terça-feira em Bustelo, Amarante. 

Segundo o comunicado da PJ enviado às redações, a GNR de Amarante apanhou o suspeito a tentar extinguir um incêndio com recurso a uma ferramenta manual conhecida como "batedor" e a um isqueiro.

O fogo terá sido provocado com intencionalidade de queimar mato e "com vista à limpeza de matos e arbustos em zona de pastagem", pode ler-se

As chamas consumiram uma vasta área de mato, não assumindo outras proporções devido à pronta intervenção dos Bombeiros e de um meio áereo. 

O detido não tem antecedentes criminais.

PJ Amarante Bustelo Incêndios Polícia Judiciária crime GNR lei e justiça polícia acidentes e desastres
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)