Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
8

PJ deteve homem por burla informática

A Polícia Judiciária (PJ), através da Unidade Nacional de Combate à Corrupção (UNCC) deteve um homem de origem sul-americana, por burla e falsificação de documentos utilizados em compras online.
4 de Março de 2009 às 17:08

O arguido, de 21 anos de idade, foi preso em flagrante delito por utilizar identidades falsas e recorrer a dados de cartões bancários que não lhe pertenciam para efectuar compras na Internet, como mercadorias e viagens de avião.

A detenção aconteceu na área de Lisboa e as autoridasdes confiscaram material informático, dinheiro, telemóveis e documentação que comprovava a existência da actividade criminosa.

 

Esta apreensão insere-se no programa desenvolvido com o objectivo de combater o crescimento destas burlas praticadas através da Internet.

O detido foi presente a Tribunal para primeiro interrogatório e aplicação das medidas de coãcção.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)