PJ investiga radicais anarcas

Saiba no CM como se organizam os grupos que a polícia considera ameaça
21.05.12
  • partilhe
  • 0
  • 0
Notícia exclusiva para assinantes. Para ler faça Login ou AssineSaiba mais aqui.
PJ investiga radicais anarcas
Numa onda de violência contra sedes partidárias e sindicais, os grupos anarcas arremessaram anteontem sacos com tinta e ovos contra os edifícios do CDS e do Bloco de Esquerda Foto Sérgio Lemos
Os movimentos dos grupos de "matriz radical", como são definidos pela PSP, no relatório a que o CM teve acesso, os elementos de quatro facções "anarco-libertárias" que, no sábado, foram apanhados em Lisboa com armas e engenhos explosivos, estão a ser seguidos de perto pela PSP e, em especial, pela Unidade de Contra-Terrorismo da Judiciária. A PJ monitoriza o ...
Exclusivos CMEste artigo é exclusivo para Assinantes Correio da Manhã
Se já é Assinante, faça o seu loginouAssine 1 mês por 1€.
Para ler TODOS OS EXCLUSIVOS CM de hoje por 0.60€ + IVA
Obtenha o seu código de acesso com uma simples chamada telefónica
ou
UTILIZE O 
Assine agora o Correio da Manhã Digital
  • Assine Acesso integral ao Correio da Manhã ePaper (tal como é impresso em papel, veja exemplo)
  • AssineAcesso ilimitado a todo o site do Correio da Manhã.
  • AssineTodos os exclusivos, opinião e análise da edição em papel.
Saiba mais

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!