Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
1

PJ faz buscas por droga na Luz

Benfica descarta qualquer responsabilidade no caso. Acompanhamento em permanência na CMTV e no site do CM.
27 de Agosto de 2015 às 09:25
Buscas no Estádio da Luz decorreram no final de julho
Buscas no Estádio da Luz decorreram no final de julho FOTO: Pedro Ferreira / Record
A Polícia Judiciária (PJ) fez buscas no Estádio da Luz e deteve uma pessoa referenciada como sendo diretor do Departamento de Apoio aos Jogadores do Benfica, avança o JN esta quinta-feira. O Benfica já reagiu e descartou qualquer responsabilidade.

José Carriço, que foi detido pela PJ, não é motorista do presidente encarnado, Luís Filipe Vieira, sendo que o motorista é o mesmo há sete anos e chama-se Ricardo, apurou o Correio da Manhã. Por este motivo, o clube da Luz não se considera responsável pelos atos ilícitos dos seus funcionários, muito menos dos seus ex-trabalhadores.

A 'Operação Porta 18' realizou-se no final de julho, mas passou publicamente despercebida. O suspeito detido tinha 9,5 quilos de cocaína. Além da droga, as autoridades apreenderam dois automóveis de gama alta e outros bens, assim como objetos resultantes da atividade criminosa.

A PJ, através da Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes, anunciou em comunicado, a 31 de julho, a detenção de dois homens após aquela operação policial. Os detidos, com 54 e 58 anos, faziam parte de um grupo organizado que se dedicava ao tráfico de cocaína. Importavam droga para Portugal a partir da América do Sul, por via aérea.

Leia o comunicado da PJ na íntegra

"Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes, 31 de julho de 2015

Polícia Judiciária deteve suspeitos de tráfico de estupefacientes. Dois homens foram detidos por tráfico de cocaína.

A Polícia Judiciária, através da Unidade Nacional Combate ao Tráfico de Estupefacientes (UNCTE), desencadeou uma operação que logrou desmantelar um grupo organizado dedicado ao tráfico de cocaína.

A organização criminosa em causa, composta por indivíduos portugueses, dedicava-se à importação de produto estupefaciente para território nacional desde a América do Sul, por via aérea.

Decorrente de cerca de oito meses de investigação criminal, a operação culminou com a detenção de dois homens, assim como na apreensão de 9,5 kg de cocaína, dois veículos automóveis de gama alta e outros bens e objetos resultantes da sua atividade criminosa.

Os detidos, com 54 e 58 anos de idade, foram presentes a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhes sido aplicada a medida de coação prisão preventiva."

PJ Polícia Judiciária buscas droga Estádio da Luz Benfica operação Operação Porta 18
Ver comentários