Barra Cofina

Correio da Manhã

Portugal
2

Polícia Judiciária investiga primo de Carlos César

Francisco Gil, antigo presidente do Turismo dos Açores, é um dos alvos da Operação Nomos, que investiga suspeita de fraudes com fundos europeus.
20 de Abril de 2019 às 10:10
Carlos César
Carlos César, líder parlamentar do PS
Carlos César é presidente do PS
Carlos César
Carlos César, líder parlamentar do PS
Carlos César é presidente do PS
Carlos César
Carlos César, líder parlamentar do PS
Carlos César é presidente do PS
A Polícia Judiciária de Ponta Delgada está a investigar o primo em 5º grau de Carlos César. Francisco Gil, atual administrador da NAV, foi presidente do Turismo dos Açores e vogal da Administração da SATA, duas empresas que estão no centro da chamada Operação Nomos lançada pela Polícia Judiciária dos Açores em colaboração com o OLAF, organismo europeu anti-fraude.

Segundo informações recolhidas pela SÁBADO, algumas das suspeitas dizem precisamente respeito a decisões tomadas por Francisco Gil. Porém, o gestor disse à SÁBADO que, até ao momento, não foi chamado a prestar declarações.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)